sábado, 8 de setembro de 2012

Muito mais do que clientes, gostaríamos de passar algumas informações aos amigos: 

Estamos passando por algumas mudanças estruturais e físicas, por este motivo, temporariamente não estamos trabalhando com ensaios, apenas gravações. 

Os projetos que foram gravados no Studio 10 permanecem à disposição para edição, alteração ou conclusão do que ficou inacabado. 

Continuamos trabalhando com gravações, agora em Pro tools HD que é o que há de mais moderno em relação a tecnologia de gravação digital. 

Continuamos com os serviços de : 
Produção musical e de trilhas para todos os estilos musicais;
Atendimento e espera telefônica; Locuções (off para TV e comerciais de rádio);
Jingles e Spots comerciais;
Criação de arte para materiais gráficos (rótulo, encarte, cartaz, cartões de visita,...); 

Ligue para os novos telefones para saber maiores detalhes sobre as mudanças: 3319.7273 // 8452.1793 // 8449.4653.

O email continua o mesmo: studio10rs@gmail.com e MSN: studio10rs@hotmail.com
Site: www.studio10rs.webs.com

Aguardamos seu contato e em breve teremos outras novidades. Aguardem!

sábado, 17 de março de 2012

O Studio 10 apoia e incentiva a volta as aulass, por isso você que tem a sua banda college, venha já gravar o material da sua banda!

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Um Feliz 2012!

Desejamos a todos um Feliz 2012 e convidamos a nos visitarem para conhecer o trabalho e se atualizar sobre as novidades e promoções que estamos preparando! Um forte abraço, Equipe 10 do Studio 10.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

A importância da Música na Escola

Educadora disserta sobre os benefícios da Música em todas as suas esferas - sociais, físicas e mentais - e resgata e enfatiza o significado da Arte oferecido por Tolstoi Por Lilia Rosa* Falar sobre a importância da Música na Escola é, sem dúvida alguma, falar sobre a importância da Música na vida do ser humano. “Por que aprendemos a cantar ou tocar?” “Por que aprendemos a improvisar ou criar?” Responder a essas perguntas significa explicar o papel da Música no desenvolvimento humano, ou seja, a sua função e os seus benefícios. Nós, músicos e educadores musicais, poderíamos simplesmente dizer que a Música tem muitas funções (social, biológica, estética etc.) e os seus benefícios são inúmeros àqueles que a praticam (educacional, social, físico, intelectual, emocional, moral, ético, espiritual etc.), além de reverter em valores à sociedade que a cultiva. Como falar de Música significa falar de uma atividade criadora, então, parece mais acertado falar da importância da Arte em nossa vida. “Por que aprendemos a desenhar, cantar, dançar, dramatizar, pintar, escrever melhor?” “Para que serve a Arte?” Explicar o valor da Arte – entendida aqui como uma atividade criadora de natureza social, intelectual, estética e espiritual –, num mundo onde os valores estão todos mudados devido à ganância (poder, dinheiro), tecnologia (mecanização, padronização) e valorização excessiva do conhecimento (álgebra, ciência, saber), onde a mediocridade e a feiúra estão na moda, onde a brutalidade (violência, criminalidade, mania de destruição) e a alienação cultural têm aumentado vertiginosamente, não é tarefa fácil a um educador. Sempre me recordo da antiga história de Tolstoi e seu aluno Fédka, que um dia lhe perguntou: “Para que serve o desenho?”. Tolstoi ficou em silêncio, não soube explicar ao menino e, durante toda a sua vida, refletiu sobre essa questão. Ele concluiu que o seu aluno estava, no fundo, lhe perguntando: “Para que serve a Arte?”. E, após 37 anos de reflexão, explicou em seu livro O que é a Arte? a misteriosa relação que existe entre a beleza, a verdade, a arte e a vida. Tostói sabia que a relação era muito profunda e poderia ter uma ligação íntima entre beleza e violência, entre vida (criação) e morte (destruição). Em três frases, Tolstoi finalmente respondeu a pergunta de Fédka: “A evolução dos sentimentos se processa por meio da arte; a arte é acessível a todos os homens; a arte, e somente ela, pode fazer que a violência seja posta de lado” – o que me parece ainda hoje ser uma boa resposta. Para Tolstoi, a Arte na vida ou na escola significa uma educação das sensibilidades. E onde existe a criação não existem mãos ociosas, ou seja, não existe a destruição gratuita, o ódio, a raiva, o medo, a insegurança, o egoísmo, a desunião, a tristeza, baixa auto-estima, excessivo consumo e a falta de fé. Com base nisso tudo, fica aqui uma sugestão: a Escola de hoje deveria buscar o equilíbrio entre o “fazer” (Arte) e o “saber” (Conhecimento). *Lilia Rosa é educadora musical e pesquisadora com Doutorado em Música. Este artigo foi originalmente escrito para o Informativo Banda da Banda, de Amparo-SP. www.liliarosa.com

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

RETROSPECTIVA PEAVEY

Someco, distribuidora da marca no Brasil, fala do trabalho desenvolvido neste ano, prenuncia crescimento de 50% em 2011, além de destacar as ações com a Peavey para 2012 A Peavey estima fechar 2011 com aproximadamente 50% de crescimento no País com relação ao ano anterior. Sua distribuidora, a Someco - também responsável pelas marcas SKP, Novik Neo e outras - também encerra 2011 com maiores esforços dirigidos ao marketing, com foco na aproximação de seus consumidores. Um exemplo é ter contratado grandes nomes da música para se juntar à equipe de endorsees. "Artistas do calibre de Mozart Mello (foto), Fernando Deluqui (RPM), Max Viana, Cleber Shimu, Samuel Moyses (Voz da Verdade/Brother´s Music) vieram a contribuir na divulgação dos produtos Peavey a nível nacional e em diferentes estilos musicais. Além disso, este ano, a presença de bandas internacionais como Duran Duran, Lynyrd Skynyrd, Machine Head e Bullet for My Valentine no Brasil também aportaram significativamente para o nosso objetivo de posicionar localmente a Peavey no lugar de prestígio global que a mesma merece. Este 2011 foi um ano de muito sucesso para a Someco e Peavey. Sem dúvidas o próximo ano nos espera com Muitas outras novidades, afinal Peavey é Inovação Amplificada”, destaca Leandro Arguello, gerente comercial da empresa. Muitas clínicas e workshops ocorreram em 2011, a mais recente, no última dia 10 de dezembro, foi a primeira edição do ''Peavey Experience Day'', quando o guitarrista Mauricio Fernandes levou dezenas de pessoas ao show-room da Peavey em São Paulo e falou sobre a história da marca, tocou e dissertou sobre alguns modelos. "Trata-se de um evento onde abrimos nosso espaço para que professores de escola convidem seus alunos ou seguidores para assistirem seu work show com amplis Peavey, e os convidados tem acesso a historia da Peavey e a oportunidade de tocar no ampli dos seus sonhos", explica Arguello. De acordo com o gerente comercial, em 2012, a Someco pretende realizar o evento, pelo menos, uma vez por mês. Outra ação importante em 2011 foi a criação da página da marca no Facebook. "O Facebook nos permite interagir com clientes e consumidores, dando-nos a oportunidade de comunicar constantemente de forma dinâmica e objetiva, vídeos, ações e eventos relacionados à marca no Brasil", enfatiza o executivo. Vale destacar que a Peavey Session foi considerada o melhor modelo entre 30 outros de guitarras de até 500 dólares pelos editores internacionais da Guitar Player, outro ponto alto deste ano para a marca, já que esse nicho não é o seu core business.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Últimos investimentos em qualidade!




Roland GR-55 Guitar Synthesizer

Saffire PRO 40


Estamos em constante atualização em equipamentos, softwares, produtos e serviços que facilitem e auxiliem nosso clientes em suas produções.

Conheça um pouco sobre as últimas aquisições que tem condições de abrilhantar cada vez mais as produções e contribuir muito em qualidade para a realização do seu sonho.

Clique nos links que diponibilizamos acima e conheça mais sobre a tecnologia dos equipamentos do Studio 10.

Fique ligado, grandes novidades para 2012!

Câmara aprova PEC da música

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, em segundo turno, a PEC 98/07, do deputado Otavio Leite (PSDB-RJ) e outros, que concede imunidade tributária a CDs e DVDs com obras musicais de autores brasileiros. A matéria será enviada ao Senado, onde precisa ser aprovada em dois turnos.

De acordo com o substitutivo aprovado por 393 votos a 6, contarão com imunidade os CDs e DVDs produzidos no Brasil com obras musicais ou lítero-musicais de autores brasileiros. Também não pagarão impostos as obras em geral interpretadas por artistas brasileiros e as mídias ou os arquivos digitais que as contenham.

Para Otavio Leite, a redução dos preços permitirá aos músicos brasileiros se estabelecerem formalmente como empresas. “Fizemos justiça a um dos setores que reclamam há muito tempo uma atenção dos poderes públicos. Com a PEC, os consumidores também poderão ter acesso a um produto final mais barato”, afirmou.

Fonte: http://www.opovo.com.br/app/opovo/brasil/2011/12/14/noticiabrasiljornal,2357446/camara-aprova-pec-da-musica.shtml